Em Vilhena, desentendimento e dispensa resultam em ocorrência

A confusão que começou com um desentendimento entre familiares e terminou na Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP) de Vilhena, aconteceu no último dia 05 de fevereiro, após uma demissão.

Conforme o depoimento da vítima, um funcionário e um familiar teriam entrado em desavença durante o trabalho. Por estarem muito exaltados e temendo o pior, a vítima preferiu dispensar os serviços do funcionário, mandando-o embora.

No entanto, após a dispensa, o indivíduo ficou muito revoltado e passou a enviar áudios injuriando a vítima. Acusações, palavras de baixo calão e ofensas foram proferidas pelo homem em áudio, o que levou a vítima a procurar a polícia.

O caso foi registrado em boletim, para que as providências posteriores sejam aplicadas à situação.

“Casos de família”: familiares vão parar na delegacia após empréstimo e estelionato:

O caso de estelionato envolvendo familiares na cidade de Vilhena aconteceu em agosto de 2018, sendo denunciado nesta quarta-feira (06 de fevereiro), onde comprovantes falsificados comprovavam o suposto pagamento de uma dívida.

Segundo as informações, ainda no ano anterior, a vítima emprestou a quantia de R$ 5.000,00 a um familiar. Para comprovar o suposto pagamento da dívida, entretanto, a estelionatária emitiu comprovantes falsificados sem realmente depositar o valor emprestado.

Diante da situação, a vítima compareceu à Unidade Integrada de Segurança Pública (UNISP) de Vilhena, onde registrou um boletim de ocorrências para que as medidas aplicáveis possam ser tomadas.

 

Texto: Mizellen Amaral
Fonte: Folha de Vilhena

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.